A diferença entre ansiedade e síndrome do pânico

A diferença entre ansiedade e síndrome do pânico está na intensidade dos sintomas e na imprevisibilidade de sua ocorrência. Enquanto a ansiedade tem causas mais lógicas e concretas, como um desafio a ser enfrentado ou uma situação delicada que está para ocorrer, a crise de pânico não tem hora nem motivo para começar.

A ansiedade é um sentimento comum ao ser humano. Desde a infância nos sentimos ansiosos com acontecimentos que estão por vir, como por exemplo, uma festa muito aguardada. Trata-se de um sentimento normal e até necessário para nossa evolução.

O problema é que, em alguns casos, essa ansiedade se torna muito acentuada e causa sintomas físicos desagradáveis como falta de ar, palpitações, enjoos e tonturas. Todos esses sintomas caracterizam uma crise de ansiedade e muitas vezes impactam diretamente várias áreas da vida do paciente.

Uma grande DIFERENÇA ENTRE ANSIEDADE E SÍNDROME DO PÂNICO é que a síndrome do pânico é um tipo de transtorno em que a pessoa sofre com períodos de intensa ansiedade, ou seja, todos os sintomas ditos acima são muito potencializados, os chamados ataques de pânico, acompanhados de sintomas como pensamentos catastróficos, boca seca, perda do foco visual, dificuldade de respirar, medo da morte iminente, suor frio e sensação de irrealidade.

A BOA NOTÍCIA é que a a síndrome do pânico e transtornos de ansiedade TEM TRATAMENTO, que pode incluir uma combinação de psicoterapia com medicamentos. Como nem sempre é fácil identificar a diferença entre ansiedade e síndrome do pânico ou qualquer outro transtorno de ansiedade, é muito importante procurar a ajuda de um médico especialista caso apresente alguns dos sintomas listados para que seja feita uma avaliação do caso e indicar o melhor tratamento.

R. Barão de Jaceguai, 1708 - sala 42 - Parque Monte Libano, Mogi das Cruzes - SP, 08780-100, Brasil
contato@pamelacostapsiquiatra.com.br
4799-8915
Pamela Costa - CRM 141471 © 2021
  • f
  • i